Postado em 10 de Fevereiro de 2017 às 16h21

“Uma Obra no Mundo: diálogos com Hannah Arendt”

Notícias em destaque (316)

Com o interesse de tornar pública a reflexão de Arendt, Benedito Nunes busca uma primeira compreensão da originalidade da filosofia, respondendo à pergunta: para que serve a política? Em seguida, os autores relacionam os assuntos secularidade, democracia das sociedades, imortalidade da história, compreensão do passado, da virtude ao valor, e características humanas com a política de pensamento de Arendt, com propósito de despertar a discussão na perspectiva arendtiana sobre os temas relevantes de nossa atualidade.

Hannah Arendt nasceu em Hannover, Alemanha, em 1906. Doutorou-se em Filosofia na Universidade de Heidelberg sob a orientação de Karl Jaspers. Por ser de origem judaica, diante da ameaça nazista, fugiu para Paris e depois para os Estados Unidos, em 1941. Fez carreira na New School Research (Nova Iorque) e foi professora visitante em várias universidades americanas e europeias. Escreveu, dentre outras obras, “Origens do totalitarismo”, “A condição humana”, “Entre o passado e o futuro”, “Homens em tempos sombrios”, “Crises da república e da revolução”. Faleceu nos Estados Unidos em 1975.

Veja também

André Cechinel lança obra “O referente errante: The Waste Land e sua Máquina de Teses”07/05/18 André Cechinel, autor de “O referente errante: The Waste Land e sua Máquina de Teses”, ministra, no dia 8 de maio, uma palestra na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), com o tema “Tradição e referencialidade em T. S. Eliot”. Após a palestra ocorrerá o lançamento da obra, com sessão de autógrafos.  Sobre o autorDoutor......
“Há uma gota de sangue em cada museu”14/06/16 “Há uma gota de sangue em cada museu” é uma obra escrita pelo professor Mario de Souza Chagas, mestre em Memória Social pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio) e doutor em Ciências Sociais pela......

Voltar para Notícias